sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

LOST - [S05E02] - The Lie


! AVISO: o texto abaixo contém spoilers !

O segundo episódio da quinta temporada de Lost não foi tão brilhante quanto o primeiro mas também não decepcionou, principalmente por causa de Jorge Garcia, o ator que interpreta Hurley (ele teve o seu melhor desempenho desde o começo da série).
O episódio começou no passado, mais exatamente há 3 anos dos eventos que estão ocorrendo no presente. Aqueles que sairam da ilha estão reunidos no barco de Penny e decidindo qual seria a melhor forma de proteger aqueles que ficaram na ilha das investidas de Charles Widmore. Todos, com exceção de Hurley ("Um dia vocês vão precisar da minha ajuda. Então, digo agora...vocês não vão tê-la"), acham que o melhor seria mentir sobre o que aconteceu na ilha. Após isso, o episódio mostra, no presente, Hurley dirigindo um carro e Sayid desacordado ao seu lado (resultado do efeito provocado pelo dardo tranquilizante que o atingiu no primeiro episódio da temporada). Hurley, tendo visto um carro de polícia mandando-o parar, encosta o seu carro. Porém, quando pensamos que Hurley será reconhecido e preso pela polícia (no episódio anterior, Sayid matou dois homens para ajudar o gordo a fugir da clínica psiquiátrica, sendo que Hurley levou a culpa dos assassinatos), quem aparece é a falecida Ana Lucia ( na verdade, foi apenas mais uma aparição do além, ou seja, a ilha tentando a todo custo trazer de volta os Oceanic Six) para dizer que Hurley deve evitar ser preso(destaque para o "Libby manda lembranças" de Ana Lucia).
Hurley leva Sayid para a casa do seus pais(notem que, antes de Hurley chegar, o pai dele está assistindo ao seriado Exposé, protagonizado por Nikki, o par romântico de Rodrigo Santoro na terceira temporada...lembram disso?). Hurley, vendo que Sayid precisa de um médico, mas não pode ir a um hospital (a referência a "O Poderoso Chefão" nesse momento foi bastante engraçada), contacta Jack para que este recupere Sayid. Enquanto isso, várias coisas acontecem dentro e fora da ilha.
-> Dentro da ilha:
1) Somos apresentados a um personagem bastante irritante chamado Neil (Sawyer lhe dá o carinhoso apelido de "Frogurt" ;D )
2) Faraday (o "Dr.Mágico", hehehe) retorna do seu intrigante encontro com Desmond e diz que para eles saírem dali é necessário determinar primeiro onde eles estão no tempo.
3) Ao anoitecer, o acampamento é atacado por um grupo desconhecido. Neil "Frogurt" é atingido por uma flecha e morre (esse, definitivamente, não vai deixar saudades), enquanto que várias outras pessoas correm para salvar suas vidas.
4) Juliet e Sawyer, ao tentar fugir, são capturados por membros desse grupo desconhecido e, no exato momento em que um deles ia cortar o braço de Juliet, o "jungle boy" Locke aparece com sua faca estilo Rambo para salvar o dia.
-> Fora da ilha :
1) Antes de Jack ir ajudar Sayid, ele tem uma conversa bastante interessante com Ben. O "manipulador de olhos esbugalhados" fala para Jack fazer as malas e colocar dentro dela tudo que ele achar de importante na vida, pois Jack não poderá voltar mais (isso se aplica apenas a Jack ou a todos que vão voltar para ilha?). Jack, em um dado instante, pergunta para Ben se Locke realmente está morto. No entanto, Ben desconversa dizendo que vai pegar Jack dentro de 6 horas (será que John Locke está vivo?)
2) Kate e Aaron vão ao encontro de Sun. As duas protagonizam um diálogo emocionante, no qual a coreana diz que não culpa Kate pela morte de Jin.
3) Ben vai a um açougue e conversa com uma mulher chamada Jill, deixando o caixão de Locke guardado com ela.
4) Hurley conta a sua mãe tudo o que verdadeiramente aconteceu na ilha ( o gordo faz basicamente um breve resumo dos principais pontos ocorridos desde o começo da série) . No fim do diálogo, ele fala que os Oceanic Six não deveriam ter mentido.

Após Jack finalmente conseguir recuperar Sayid, Ben passa na casa de Hurley para convencê-lo a também voltar para ilha. Hurley não acredita nas palavras de Ben e se entrega aos policiais que estão vigiando a sua casa ( o sorrisinho de Hurley ao ser preso já vale o episódio).
No fim do episódio, vemos uma mulher misteriosa fazer uns cálculos num quadro e depois acessar um computador (a mensagem "Janela de Evento Determinada" aparece na tela do computador). Depois, essa mesma mulher (vocês já viram essa mulher na série antes? eu mesmo não estou lembrado dela) sobe umas escadas e se encontra com Ben.Eles travam um diálogo no qual ela diz que Ben tem apenas 70 horas para reunir todo mundo e voltar para a ilha.
Ben: "-Olha, eu perdi o Reyes hoje. O que acontece se eu não levar todos de volta?"
Mulher misteriosa : "-Então, que Deus ajude a todos."

PÓUM! ;D

[Nota 8.0]

Eduardo Vasconcelos.

5 comentários:

Lucas Caires disse...

Meu entusiasmo não foi tão grande nesses dois primeiros episódios. Acho que fiquei muito tempo desligado do seriado. Mesmo assim, Lost continua com sua forma espetacular de sair das "enroladas" como muitos dos seriados fazem (a exemplo de Heroes).

ps1:A cena de Hurley resumindo tudo foi muito engraçada.
ps2: A mulher da última cena é a que orienta Desmond na hora de comprar o anel de casamento para Penny. O episódio é S03E08 e o nome dela é Sra. Hawking.

Eduardo disse...

Valeu Lucas, agora eu lembrei dessa mulher. Mas depois vou rever a terceira e a quarta temporada , aí tudo ficará fresco na mente.
A cena mais engraçada desses dois episódios, na minha opinião, foi o "sun of a bitch" de Sawyer quando a ilha ia viajar no tempo.

Eduardo disse...

Ah, e Heroes é uma verdadeira merda. E se continuar com a baixa audiência nos EUA é bem capaz de ser cancelado ainda nessa temporada.

Thales Azevedo disse...

Palpite: o final de Lost vai ser o mais ridículo da história dos seriados.

Eduardo Vasconcelos disse...

Thales, Lost é um dos melhores seriados passando atualmente na televisão e acho que um dos 5 melhores já feitos até agora. E falo isso porque já vi muito seriado bom e muita merda também que não merecia ter passado do episódio piloto. O final de Lost não tem como ser rídiculo porque o seriado nunca foi desse jeito e só está melhorando a cada temporada que passa. Prometo, depois de ver Twin Peaks, Arquivo-X e Deadwood fazer um TOP 10 de seriados dramáticos que eu vi até hoje.